Planejamento para Profissionais Liberais

 

Por Soeli de Oliveira

 

Profissionais liberais são pessoas que trabalham por conta própria, sendo patrões de si mesmo. Para os prestadores de serviços, assim como para as empresas comerciais e industriais, o planejamento é reconhecido como um fator-chave para o sucesso.

 

Para que se faça um bom planejamento é preciso seguir alguns passos, sendo que o primeiro deles é a realização de uma cuidadosa análise do ambiente interno e externo para avaliar quem somos e onde nos encontramos. Conforme  Sun Tzu, o estrategista autor do milenar tratado militar, Arte da Guerra: “Se você conhece o inimigo e conhece a si mesmo, não precisa temer o resultado de cem batalhas. Se você se conhece, mas não conhece o inimigo, para cada vitória ganha sofrerá também uma derrota. Se você não conhece nem o inimigo nem a si mesmo, perderá todas as batalhas...”  Portanto identifique os fatores externos e internos que impactam no exercício das suas atividades:

 

Fatores Externos - Não se tem controle sobre eles, mas, devem ser monitorados.

 

Oportunidades - Elementos e forças do ambiente externo que podem nos beneficiar.

 

Ameaças - Elementos e forças do ambiente externo que podem afetar negativamente.

 

Fatores Internos - São  recursos internos que podem ser redirecionados para contrapor as forças externas.

 

Pontos Fortes -  Características, recursos ou competências do Profissional ou da empresa que favorecem o exercício da profissão.

 

Pontos Fracos – Características, limitações, incompetências do Profissional ou de sua empresa que impedem ou dificultam o crescimento.

 

Os Fatores do Ambiente Externo que devem ser monitorados são os demográficos, econômicos, naturais, tecnológicos, sociais, políticos e legais.

 

Os Fatores do Ambiente Interno que devem ser administrados são o Composto Mercadológico (produto, preço, promoção, ponto, pessoas, processos), recursos financeiros e operacionais.

 

Durante o processo de planejamento surgirão idéias de possíveis ações que poderão ser implementadas. Mas atenção! Obedeça a metodologia.  Não caia na tentação de elaborar as estratégias antes de concluir as análises. Limite-se apenas a anotar as idéias para posterior aproveitamento.

 

Soeli de Oliveira é Consultora e Palestrante do Instituto Tecnológico de Negócios nas áreas de Varejo, Vendas, Atendimento e Motivação. www.itnconsultoria.com.br - E-mail: soeli@sinos.net – Novo Hamburgo – RS.