Os Desafios do Varejo no Século XXI

 

Por Soeli de Oliveira

 

 

Os consumidores estão em permanente e rápido processo de evolução e a cada dia mais conscientes e informados. Querem algo feito especialmente para eles, de preferência sob medida, customizado. Estão muitíssimo apressados, têm muita coisa importante e interessante para fazer e conseqüentemente dispõem de menos tempo para comprar. Sempre que possível adotam a lei do menor esforço, buscam conveniência. Valorizam quem lhes presta serviços. Repetem suas compras, de preferência em lojas que lhes proporcionem experiências positivas.

 

Com o ritmo frenético da vida atual, as pessoas querem comodidades e facilidades - razão do crescimento das vendas online, cerca de 7% a 9% acima do crescimento dos canais de vendas convencionais.

 

Agora, as palavras-chave para o sucesso no varejo são conveniência, disponibilidade, agilidade, relacionamento e muita criatividade. Por outro lado, atitudes e comportamentos como morosidade, mesmice, despreparo, complexidade e monotonia pavimentam o caminho do fracasso nos negócios.

 

O mundo mudou, e você e a sua empresa? Daqui para frente os novos desafios exigirão:

 

  • Interpretação das informações e tendências
  • Visão. Saber onde se quer chegar.
  • Agilidade para adaptar-se às mudanças
  • Empreendedorismo e criatividade
  • Domínio do negócio – Marketing, Finanças, Recursos Humanos, Operações
  • Uso da tecnologia como apoio ao processo de gestão
  • Gerenciamento da marca
  • Diferenciação
  • Inovação e encantamento
  • Fidelização

 

A globalização universalizou o acesso aos conhecimentos, matérias primas e tecnologias.Tudo está virando “commodity”. Porém, copiar os outros pode não ser uma boa idéia. Diariamente, produtos, qualidade, preços, design, vão ficando cada vez mais parecidos. É preciso realizar um grande esforço de marketing para ser original, único e diferenciado como o mercado valoriza. Os novos tempos requerem dos gestores fiel aplicação das habilidades administrativas, a começar pelo cuidadoso planejamento das ações, uma vez que quem falha em planejar está indiretamente planejando falhar.

 

Nas transações comerciais o cliente é o protagonista do processo, o qual não abre mão da qualidade, serviços e experiência no mínimo satisfatória. O varejo tem que entender muito bem quem é o seu cliente e atuar cada vez mais sobre o motivo da compra. O foco no cliente não é mais suficiente, é necessário haver o foco do cliente, buscando saber o que ele quer, onde, quando e como quer pagar. Neste contexto, para acertar nas estratégias é imprescindível realizar constantes pesquisas mercadológicas. 

 

O sucesso no varejo só existe para quem garante o retorno dos clientes bem atendidos, e mais do que isso, consegue que eles tragam outros através do “boca-a-boca”, que além de ser de graça, é a ferramenta mais poderosa para captar clientes que dispomos.

 

Só fideliza quem satisfaz os clientes a longo-prazo, vende benefícios, agrega valor, oferece efetivas soluções.

 

Atendimento encantador começa antes da venda e contempla um cuidadoso e sistemático pós-venda. Hoje, o sucesso nas atividades comerciais depende da perfeita execução da tarefa de descobrir o que os diversos segmentos de consumidores querem comprar para adequar-se à oferta. Devido ao dinamismo do mercado, é exigência básica a cautelosa formação dos estoques, as compras mais freqüentes e os lançamentos mais constantes.

Diante do exposto, olhando friamente para o seu negócio, você seria cliente da sua empresa? Você compraria dos seus vendedores? O sucesso tem o seu preço. Que valores a sua empresa entrega para os clientes? 

 

Soeli de Oliveira é consultora e palestrante nas áreas de marketing, varejo, atendimento e motivação do Instituto Tecnológico de Negócios. www.itnconsultoria.com.br - e-mail: soeli@sinos.net – Novo Hamburgo – RS.